Nova lei prevê exibição de filmes nacionais em escolas de educação básica

Nova lei prevê exibição de filmes nacionais em escolas de educação básica

A lei número 13.006 de 2014 que estabelece diretrizes e bases da educação nacional e obriga a exibição de filmes de produção nacional nas escolas de educação básica foi sancionada pela presidente Dilma Rousseff na semana passada.

Pela nova lei, a exibição de filmes brasileiros será um componente curricular complementar integrado à proposta pedagógica da escola, no mínimo por duas horas mensais.

Para o senador e autor do projeto que originou a nova lei, Cristovam Buarque, os objetivos de inserir a exibição de filmes nacionais em sala de aula são tornar a escola mais agradável e ajudar na formação cultural dos alunos por meio da linguagem cinematográfica brasileira

O educador Tião Rocha defende que toda criança adora aprender e que a lei irá otimizar o processo de educação nas escolas brasileiras. Já Adriano Caetano Rolindo, diretor da Escola Estadual Manoel Alexandre Marcondes Machado em Campinas, considera importante o apoio, incentivo e a formação de público para o cinema, mas chama a atenção para a garantia de autonomia pedagógica das escolas.

“Tenho convicção que não é pela força da lei que as mudanças ocorrem e sobre isso todos nós brasileiros temos conhecimento empírico. Também penso que se há um esforço necessário para que se enriqueçam as propostas curriculares das escolas e para que se incentive a indústria cultural do cinema, o caminho trilhado pela lei em questão não levará aos objetivos pretendidos. Quem sabe a valorização do professor, a melhoria da qualidade de vida das periferias e a educação como pauta verdadeira da agenda política, pudessem ter efeito muito mais abrangente, tanto na melhoria do currículo como no crescimento e valorização da cultura nacional expressa através do cinema brasileiro”, afirmou.

Confira aqui a lei sancionada pela presidente da República.