MEC lança portal sobre o Plano Nacional de Educação

MEC lança portal sobre o Plano Nacional de Educação

Está no ar o portal “Planejando a próxima década – Construindo os Planos de Educação”. Trata-se de uma inciativa do Ministério da Educação (MEC), por meio da Secretaria de Articulação com os Sistemas de Ensino (Sase). O objetivo do portal é fornecer conteúdo para apoiar os diferentes entes federativos no desafio de elaborar os planos estaduais e municipais em consonância com o recém sancionado Plano Nacional de Educação (PNE). O portal foi lançado na manhã desta segunda-feira (4) durante encontro dos Avaliadores Educacionais, em Brasília.

O portal já pode ser acessado. O endereço é: pne.mec.gov.br. As informações estão divididas em blocos. São eles: “Conhecendo o PNE”, “Alinhando os Planos de Educação”, Construindo as Metas” e “Trabalhando juntos”. A ideia é que, por meio deles, estados e municípios tenham subsídios para trabalhar nos respectivos planos.

A Undime junto ao Conselho Nacional de Secretários de Educação (Consed), da União Nacional dos Conselhos Municipais de Educação (Uncme), do Fórum Nacional dos Conselhos Estaduais de Educação (FNCE) e do Conselho Nacional de Educação (CNE) contribuiu com o processo de elaboração dos documentos disponíveis no portal.

A presidenta da Undime, Cleuza Repulho, participou da cerimônia de lançamento do portal e ressaltou a importância da aprovação do PNE sem vetos, no que diz respeito à questão do investimento. “Esse é um grande divisor de águas entre aquilo que vínhamos vivendo na educação e aquilo que a gente pode viver e precisa para poder avançar”,
disse. Além disso, Cleuza enfatizou a relevância do regime de colaboração entre união, estados e municípios.

O ministro da Educação, José Henrique Paim, também estava presente no lançamento e classificou o momento como um marco na história da educação do país. Para ele, esse PNE representa um reconhecimento em torno da questão de planejamento. “Sem dúvida alguma, a educação vai dar uma lição nesse sentido, porque o formato desse Plano – poucas metas e muitas estratégias – e a necessidade de articulação entre os planos municipais, estaduais e o nacional vai fazer com que tenhamos um país com um verdadeiro alinhamento de planejamento”.

Fonte: Undime