FEAC contribui com Semana Mundial do Brincar

FEAC contribui com Semana Mundial do Brincar

No período em que se dá a edição 2015 da Semana Mundial do Brincar, de 24 a 30 de maio, a Fundação FEAC, no âmbito do Programa Educação: Conquista Coletiva (ECC), desenvolvido pelo Escritório de Projetos (EDP), está contribuindo com a iniciativa que este ano tem como tema “Para ter criatividade, resiliência e coragem é preciso brincar”. Como movimento que apoia, incentiva e valoriza as ações ligadas à causa e tema Educação, o Compromisso Campinas pela Educação divulga a iniciativa inédita do ECC.

A participação na Semana se dá através do estímulo dedicado a entidades participantes do ECC que têm projetos que, apoiados pelo Programa, visam a participação efetiva da família no desenvolvimento da criança de zero a três anos.

Todas as cinco instituições que participam da 1ª edição do ECC, a Casa da Criança de Sousas, Associação dos Amigos da Criança – AMIC, Casa da Criança Madre Anastácia, Centro Infantil Tia Nair e Creche Mãe Cristina, irão desenvolver atividades dentro da Semana do Brincar.

Ações e atividades

No dia 26 de maio, das 8h30 às 11h, a Casa da Criança de Sousas realizou a ‘Oficina interativa de brinquedos’. A atividade aconteceu na Praça Beira Rio (Avenida Isabelita Vieira, esquina com Rua Monsenhor Emílio José Salim, Centro do distrito de Sousas – Campinas/SP) e compôs a 7ª Marcha “Sousas e Joaquim Egídio festejam o Planeta Terra e o Meio Ambiente”, da SEMEIA 2015 – Semana do Meio Ambiente “Uma cidade mais verde para abrigar todas as cores”. Por meio de uma oficina de confecção de brinquedos, a ação visou integrar pais e filhos, fortalecendo os vínculos afetivos e resgatando a simplicidade do brincar com brinquedos construídos com materiais recicláveis.

Já na quinta-feira, 28 de maio, a Casa da Criança Madre Anastácia promove a ação “O brincar é para todos”, um circuito de brincadeiras que irá explorar o movimento e o contato corporal entre crianças e adultos. As atividades acontecem na sede da instituição (Rua Daniel Godoy Pereira, 52, Bairro Vida Nova – Campinas/SP), das 7h30 às 9h30.

No mesmo dia, a Creche Mãe Cristina promove a ação “Pelo direito de ser, brincar e conviver”, das 14h às 16h15, na sede da instituição (Avenida Antonio Francisco de Paula Souza, 790, Jd. Das Oliveiras – Campinas/SP). O evento, destinado aos pais e às crianças atendidas pela entidade, irá ressaltar a importância do brincar para o desenvolvimento neuropsicomotor, além de estimular momentos de lazer e cultura às famílias.

Na sexta-feira, dia 29 de maio, será a vez da Associação dos Amigos da Criança – AMIC, abrir seus espaços para as famílias. Das 14h às 16h, na unidade Monte Cristo (Rua Rosa Agritelli Ciprino, 01, Jardim Monte Cristo, Campinas/SP), a Associação promove o encontro “No jardim da minha creche… eu pulo amarelinha, jogo bola, pique esconde e roda-roda cirandinha”, integrando pais e filhos através de brincadeiras que fizeram parte da vida das famílias, como amarelinha, ciranda e bola de gude.

Para encerrar a participação na Semana do Brincar 2015 com chave de ouro, o Centro Infantil Tia Nair promove no dia 30 de maio, sábado, das 8h30 às 11h, uma manhã dedicada ao evento “Quinta da Tia Nair: a brincadeira é aqui”. A instituição vai preparar um espaço acolhedor onde as brincadeiras entre crianças e adultos irão acontecer com materiais como caixas plásticas e de papelão, pneus, tecidos, entre outros. A entidade está localizada à Rua Antonio Nicolau, 84, Bom Retiro – Valinhos/SP.

Para refletir

Pensando em fazer uma reflexão que fundamentasse as ações das entidades conveniadas de educação infantil, participantes do ECC, anteriormente ao período da Semana Mundial do Brincar a equipe do Conquista Coletiva encomendou um artigo denominado “Brincar: possibilidades, impossibilidades e transgressões”, escrito pela professora, pedagoga, cientista social, Mestre em Educação, supervisora educacional na Secretaria Municipal de Educação de Campinas e formadora do ECC, Eliana Aparecida Pires da Costa.

O texto ressalta a importância e o direito que a criança tem de brincar desde o seu nascimento e a brincadeira como um processo de interação nas culturas, seja consigo mesmo, com outras crianças ou com adultos. O artigo ainda frisa a necessidade primordial dos profissionais da Educação Infantil terem formação inicial e continuada para o aprofundamento em relação ao brincar e a necessidade de se ter sensibilidade nas interações de brincar entre crianças, profissionais e famílias.

O texto reflexivo pode ser acessado no acervo do portal do CCE: http://www.compromissocampinas.org.br/brincar-possibilidades-impossibilidades-e-transgressoes/

Mais informações sobre a Semana Mundial do Brincar podem ser acessadas pelo site http://www.aliancapelainfancia.org.br/noticias/semana-mundial-do-brincar-2015-save-the-date

Sobre o ECC: (19) 3794 3551.