“Diálogos do brincar”: um convite para refletir sobre a infância, a educação e o brincar

“Diálogos do brincar”: um convite para refletir sobre a infância, a educação e o brincar

Durante 2 anos, a educadora Renata Meirelles e o documentarista David Reeks, coordenadores do Projeto Território do Brincar, visitaram comunidades rurais, indígenas, quilombolas, grandes metrópoles, sertão e litoral em busca de registrar as sutilezas dos gestos infantis e a espontaneidade do brincar. Os registros, realizados em foto, vídeo e texto, despontam as belezas da infância e nos revelam o Brasil a partir do olhar das crianças.

O Projeto, que é correalizado pelo Instituto Alana, gerou um material rico e extenso, que deu origem a diversas produções culturais, como livros, filmes de curta metragem, exposições, artigos, séries para TV e também um filme de longa metragem, lançado em maio de 2015.

Na ocasião do lançamento, o olhar do Território do Brincar alcançou diversas regiões brasileiras, ao entrar nas salas de cinema de nove capitais do país e ficar disponível para exibições públicas na Plataforma VIDEOCAMP, que reúne filmes capazes de movimentar assuntos socialmente relevantes. Por meio desta plataforma, foram mais de 1200 exibições públicas organizadas, atingindo um total de 40 mil pessoas em todo Brasil.

Soma-se a isto o lançamento do material ‘Diálogo com escolas’, em setembro de 2015. Fruto da parceria com seis escolas brasileiras, o material inspira educadores a potencializarem o brincar dentro e fora da escola.

O contato com o filme e com o material trouxe à tona muitas inquietações de pais, educadores e estudantes.

No filme, as cenas revelam um brincar livre, que nasce de dentro para fora, intimamente ligado à natureza e que acontece no tempo da criança; na realidade de tantas escolas – e principalmente dos grandes centros urbanos – uma dinâmica que parece não acolher as reais necessidades da infância.

Destas inquietações, nasceram muitas perguntas sobre os diferentes temas que o filme e o material despertam: a importância do brincar livre, o tempo da criança, a relação entre criança e natureza, a mistura de idades, o brincar e a família, entre tantos outros.

A fim de atender estas demandas, e desejando abranger diversas regiões brasileiras, o Território do Brincar, em parceria com o Instituto Alana, lança, em 2016, a iniciativa ‘Diálogos do Brincar’, uma série de 10 (dez) videoconferências, que buscam abrir diálogos com educadores, pais, estudantes, artistas, gestores, profissionais da saúde e demais interessados, sobre o brincar, a infância e a educação.

Entre fevereiro e novembro de 2016, especialistas serão convidados a falar sobre seus temas de estudo e aprofundar o debate sobre os assuntos despertados pelo filme e pelo material ‘Diálogo com Escolas’.

Cada videoconferência terá duração média de 50 minutos (19h – 19h50) e será transmitida ao vivo no site do Território do Brincar. Os espectadores poderão mandar perguntas em tempo real aos especialistas.

Programação

O tema da primeira videoconferência será “Um olhar para o brincar“, com a participação da educadora Renata Meirelles e do documentarista David Reeks, que vão apresentar a visão do projeto para o brincar. A transmissão será dia 18 de fevereiro, das 19h às 19h50, neste link.

Fonte: Território do Brincar